Série: Sistêmica Corrupção agride o Mercado Imobiliário - 8ª Matéria: V - PROPRIETÁRIO CORRUPTO

Blog Miguez

Série: Sistêmica Corrupção agride o Mercado Imobiliário - 8ª Matéria: V - PROPRIETÁRIO CORRUPTO

Esplendor 24/10/2017 Compartilhar

V -   PROPRIETÁRIO  CORRUPTO 

Chegamos a parte que exclui o profissional de cena  e coloca como protagonista o Senhor Proprietário. Esse é quase sempre uma pessoa bem articulada, possui em alguns casos  múltiplas disciplinas, tem veia de vendedor, é comerciante,    se acha vivido,  experiente e bom negociador, certamente já levou alguns tombos na vida ou  foi um eterno “Privilegiado” até então, pois apenas ofertou  a dor do tombo ao seu próximo.

COM O CORRETOR - Proporá sem escrúpulos  ao corretor que tiver um comprador para seu imóvel,  uma negociação extra empresa, gerando algum atrativo ao corretor ou mesmo trabalhando na indução de se ganhar algo ou perder tudo.

COM O COMPRADOR -  Tentará chegar direto ao comprador passando sinais e telefones em um momento de distração do corretor, ou receberá de braços abertos o comprador que voltou ao imóvel sem o corretor (o que é errado) e dirá carinhosamente que não precisa da imobiliária para negociar,  pois eles são capazes disso.

O que posso falar desse ser humano que não tem nenhum respeito pelo seu próximo? Ainda sim vou tentar apresentar algumas das características desse  que eu querendo ou não,  também filho de Deus, ou seja, vem do mesmo lugar que todos nós e deve ter um motivo para cruzar a minha ou a sua  vida.

1 - Esse tipo de “Proprietário”  jamais assinará um contrato de negocio com uma empresa

2 - Pulverizará seu imóvel em todo mercado e praticará valores diferentes entres as empresas com o fim de criar duvidas na cabeça dos clientes e faze-los chegar diretamente até a ele (explicarei mais a frente). 

3 -  Desdirá   o que disse com facilidade, propõe  invariavelmente a todos os profissionais que reduzam seus honorários.  

4 - Seu lema é “farinha pouca meu pirão primeiro”.

5 - Usa a empresa e profissionais para avaliar seu bem, depois de varias consultas tira sua própria conclusão e define o valor que ele supõe ser  justo.

6 -  Seu bem sempre vale mais do que a realidade e a super  valorização de seu patrimônio só  perderá para super valorização do  seu ego.

7 - Usará seu advogado ou pessoa de confiança para preparar um documento cuja a unilateralidade beneficiará ao próprio em caso de ruptura negocial.

Se você após essas informações, ainda tiver coragem,  ou  gostar de aventuras, alie-se a essa grande oportunidade de perder dinheiro e contrair o efeito de uma má sorte. 

Acompanhe nossa série de matérias!


Matéria Anterior:
7ª Matéria da série: Corrupção no setor Imobiliário  - "IV - Multa Generosa" -  Dia 17/10/2017


Próxima Matéria:
9ª Matéria da série: Corrupção no setor Imobiliário  - "VI - Comprador Corrupto"  Dia 07/11/2017