7 dicas para criar um jardim em casa ou apartamento

Blog Miguez

7 dicas para criar um jardim em casa ou apartamento

Equipe Miguez 10/10/2017 Compartilhar

Os chamados jardins verticais ou suspensos são tendência no mundo da decoração, afinal em cidades cada vez mais urbanas, eles se tornam um meio de ter um pouco de natureza dentro de casa.

Se você está pensando em aderir a essa tendência, dando um toque de verde na residência e não sabe por onde começar, sem problemas. Anote nossas dicas de como criar um jardim em casa ou apartamento e transforme seu imóvel de maneira simples.

Escolha seu espaço, leia nossas dicas e comece a planejar o seu jardim em casa.


1. Regras e autorização

Antes de qualquer intervenção, verifique a necessidade de autorização. Em casas isso não costuma ser necessário, mas existem condomínios que não permitem alterações nas fachadas ou grandes alterações nos projetos originais. Procure o sindico do seu prédio ou o responsável pelo local e questione a existência de regras.


2. Investimento

Por se tratar de uma tendência, existem várias técnicas para se construir um jardim vertical. Garrafas pet, blocos de tijolos vazados e pré-moldados, sistema de irrigação especial, enfim. Temos opções sofisticadas e mais baratas.

Se optar por colocar o projeto na mão de um profissional, discuta as ideias e questione como será a manutenção no futuro. Optando por fazer você mesmo, pesquise plantas adequadas e não crie problemas, tenha em mente que não é só criar, o jardim vai precisar de manutenção, em alguns casos os cuidados são diários.

Seja qual for sua opção, pesquise valores para criar o projeto e para mantê-lo no futuro, lembre-se que você está colocando a natureza dentro de casa, é preciso cuidado e respeito.



3. Espaço disponível

Em primeiro lugar, espaço pequeno não é desculpa. Use a varanda, elas geralmente ficam vazias. Agora se o seu imóvel é realmente pequeno, se você nem mesmo tem varanda, saiba que as plantas podem ser suspensas, colocadas como quadros ou painéis na parede e até em um canteiro que acompanhe a extensão da parede. Use as paredes para os chamados jardins verticais. Já imaginou uma parede viva dentro de casa? Dê destaque a uma parede no ambiente interno, coloque plantas ao invés de uma tinta mais forte. Fica lindo.


Se você mora em uma casa, que geralmente é um imóvel maior do que um apartamento, ou se possui um apartamento mais amplo, um jardim vertical continua sendo boa opção, mas pense em um espaço de jardim mais aberto e até mesmo dentro de casa. Que tal um pouco mais de ousadia? Pode ser no centro da sala, no canto dela, pode ser aquele espaço que sobra embaixo da escada ou até mesmo no banheiro. Seja criativo!

E se você substituir a parede que separa a sala da varanda por uma estufa de vidro? Dê essa ideia ao profissional que está cuidando da sua reforma. Se o projeto do seu imóvel permite essa intervenção, a estufa passa a delimitar o espaço entre os cômodos e ainda aumenta a sensação de amplitude. Em um apartamento pequeno o efeito é sensacional. Além disso, nessa opção você acaba ganhando um item de decoração exclusivo.



4. Luz

Plantas geralmente gostam de luz e calor, então procure colocá-las em um lugar que receba a luz do sol. Samambaias são plantas que gostam de muito sol, por exemplo.

Mas não se iluda, existem plantas que não gostam de ambientes tão iluminados. Verifique a incidência de luz no seu imóvel ou na área externa dela. Se a sua opção é um jardim interno, sem tanta luz natural, pense em bromélias, suculentas e cactos.

Com essa informação correta, é hora de analisar a próxima dica.


5. Plantas Adequadas

Além da luz, ao escolher o tipo de planta, considere as condições climáticas de sua cidade e como é o local do jardim. Pode ser flores, folhas, temperos. Aliás, se você quer fazer uma horta dentro de casa, saiba que são muitos os benefícios: plantar manjericão, coentro, cebolinha ou até alface é uma economia no mercado e até te livra dos agrotóxicos, mas vamos voltar à decoração.

Faça a escolha da planta correta, de acordo com o ambiente que ela vai viver. Venta muito? Sol o dia inteiro? Pouco sol? Quando chove, molha muito? Escolha plantas adequadas para manter o jardim sempre bonito. Se em sua varanda tem muito vento, por exemplo, opte por plantas menos frágeis e maiores.




6. Água

Lembre-se que a maioria das plantas precisam ser regadas. Também não encharque o ambiente, não queremos estragar móveis, por exemplo. Use mangueira, balde ou regador, mas tome cuidado ao fazer a manutenção do jardim.

Se você não tem tanto tempo de cuidar das plantas, mas não quer abrir mão do seu jardim em casa, escolha plantas como cactos ou suculentas, elas são do tipo que precisam ser regadas uma vez na semana ou até mais do que isso.

7. Vasos

Não precisa preencher uma parede inteira com folhas ou fazer um projeto muito ousado para ter plantas em casa. Se quer uma opção mais barata, invista em vasinhos. Coloridos ou de uma mesma cor, pequenos ou maiores. Coloque os vasos na varanda ou use suportes para prende-los nas paredes em sequência e está pronto seu projeto de paisagismo dentro de casa.




Titulo aqui

close